Páginas

Pesquisar este blog

Carregando...

Mensagem da semana

Mensagem da semana
Faça o que tiver de fazer de forma consciente (mussar)

Total de visualizações de página

Loading...

segunda-feira, 7 de maio de 2012

O que me faz sofrer



O que me faz sofrer
     O rabino Moshe de Sassov reuniu os seus discípulos, para dizer que finalmente havia aprendido como amar seu próximo. Todos pensaram que o santo homem tivera uma revelação divina, mas Moshe negou.
     - Na verdade - comentou ele - hoje de manhã eu saía de casa para algumas compras, quando vi minha vizinha, Esther, conversando com seu filho. Ela lhe perguntou:
     "Você me ama?"
     O filho disse que sim. Então Esther insistiu:
     "Você sabe o que me faz sofrer?"
     "Não tenho a menor idéia" respondeu o filho.
     " Como pode me amar, se não sabe o que me faz sofrer? Procure descobrir rápido todas as coisas que me deixam infeliz, pois só assim seu amor será impecável."
     E o rabino Moshe de Sassov concluiu:
     - O verdadeiro amor é aquele que consegue evitar sofrimentos desnecessários.

quarta-feira, 18 de abril de 2012

Encontro jovem


2º Encontro dos jovens israelitas em curitiba, venha e participe 
desse maravilhoso evento que Aumentara a nossa união, faça já a sua inscrição entre em http://www.israelitas.com.br/encontrojovem/
Farei de tudo para comparecer a este evento.
Shalom Pra todos Vocês meu queridos 

quinta-feira, 12 de abril de 2012

Agente dança, Simplesmente dança




Dançar está dentro de min danço porque é o que sei fazer, as vezes me pergunta porque escolhe dançar, mais não  foi eu que escolhe a dança mais sim a dança que me escolheu, a dança é a forma que uso para expressar todos os meu sentimentos seja amor ou ódio, alegria ou tristeza , sempre irei dançar porque é o que faço, dançar é a arte de se expressar através dos movimentos corporais.
O principal objetivo da dança é adorar o grande criador do universo porque só ele é digno de louvor, a dança foi um presente que recebi dos céus, eu nasci da dança e a dança nasceu em min.


quinta-feira, 15 de março de 2012

Festa de Purim 5772




















Festa de Purim            

Festa de Purim é uma grande festa do nosso povo, teve muitas danças muita comida e principalmente muito vinho rsrsr, por tradição em purim lemos o livro de Ester que conta a historia de um grande milagre para o nosso povo, Conta como Ester, uma jovem judia entre os deportados, se tornou a rainha da Pérsia e como seu primo e tutor Mordekai/Mordoqueu descobriu um complô contra a vida do rei; como o Grão-vizir Haman (Amã) procurou liquidar os judeus; como Ester interveio, arriscando a própria vida; como Haman foi enforcado e os judeus autorizados a fazer um contra-Pogrom, cujo aniversário celebram com a festa dos Purim.

Nesse ano o tema da nossa festa em fortaleza foi muito legal pois os homens ia vestidos de chassidicos e as mulheres de damas e princesas, também tivemos uma apresentação de dança ensaiada, dançamos a musica Hava naguila tocada em violino,  postarei no yotube em breve 

Tradições Judaicas para a Festa de Purim

1. Jejum
É tradição judaica fazer o jejum  por três horas (antes do pôr-do-sol) e 45 minutos (após o pôr-do-sol)

2. Fazer Tsedaká
É também tradição fazer Tsedaká (caridade) aos pobres durante este festival.


3. Peça de Purim / Festa a Fantasia
Uma das tradições mais divertidas de Purim é quando as crianças se vestem como os personagens da história de Hadassa (Ester). A meguilá (rolo) de Ester é lida em voz alta enquanto as crianças (ou adultos) organizam uma peça teatral, ou um teatro de fantoches, contando a história. É também muito comum haver uma espécie de festa à fantasia, com máscaras. Isto é uma referência ao fato de que D-us “esconde a Sua face” na meguilá (rolo) de Ester.

4. Muito Barulho
É também bastante tradicional assoviar, vaiar, bater os pés, e usar objetos que façam barulhos quando o nome de Haman é mencionado. O objetivo é fazer parecer que o nome de Haman foi riscado da meguilá (rolo). Já quando o nome de Mordechai é mencionado, é costume aplaudir ou demonstrar alegria.

 5. Comidas
Tradicionalmente, em Purim as famílias e amigos se reúnem para celebrarem a ocasião em uma refeição festiva. Assim como ocorre em outros feriados, existem comidas típicas. A mais típica delas são:
Hamantaschens (os “bolsos” de Haman). São pequenos biscoitos feitos em formato triangular, numa alusão ao suposto chapéu que Haman usava. Os biscoitos normalmente são recheados de ameixas ou alguma outra fruta doce.

Presenteando Amigos Além da tsedaká (caridade), também é tradicional em Purim presentearmos um amigo, familiar, ou mesmo uma pessoa necessitada, com um prato de comida, ou com uma porção bebida. Esta tradição é conhecida como “shalach manot” (literalmente: enviar porções)

quarta-feira, 25 de janeiro de 2012

8º Congresso Israelita


Shalom 


Peço desculpas pelo atraso das postagens,

8º congresso israelita eu estive lá e sentir a grandeza  desse maravilho evento que acontece todos os anos em Curitiba-PR, estava muito feliz porque era o meu 1º congresso, lá conheci  pessoas maravilhosas, tivemos palestras dos solteiros , das senhoras, das mulheres e dos roshim , estar lá foi muito bom aprendi muitas coisas.
            Tivemos muitos grupos de dança representando varias cidades do Brasil inclusive o meu grupo de dança, foi muito bom dançar no congresso , tivemos até a participação do grupo de dança da argentina, eles dançaram muito bem.
            Cada  Jovem que Estava lá tinha um comportamento exemplar que estava nos padrões de um verdadeiro israelita, sentir muito prazer de conhecer cada um deles.

Obrigado pela atenção  de todos vocês que acessa este blog.

 YBD






















           
            

sexta-feira, 14 de outubro de 2011

Rosh Hashaná 5772



Nathan Yohanan e Caleb


Oziel Caleb e Elazar

Toque do Shofar

Rivka e seu filho Ysrael

Yaffit Hadassa e Dara

É nos 


Hora da Janta

Cerimônia  de Rosh Hashana


Tradições e costumes
A comemoração é efetuada durante os dois primeiros dias de Tishrei conforme o costume pós-exílico para se garantir a comemoração no dia correto nas comunidades da Diáspora.
A celebração começa ao anoitecer na vespéra com o toque do shofar. É costume se comer certos alimentos representativos durante o Rosh Hashaná como maçãs com mel e açúcar para representar um ano doce. Também se come "Rosh shel Dag", cabeça de peixe. Esse alimento incentiva a começar um ano bom com a cabeça, a parte mais alta do corpo. Durante a tarde do primeiro dia se realiza o tashlikh, um costume de recitar-se certas preces e jogar pedras ou pedaços de pão na água como um símbolo da eliminação dos pecados.
Durante os Yamim Noraim muitas orações (selichot) e poemas religiosos ( piyuttim) são entoados junto com as orações normais.

Que todos nos tenhamos um ano de 5772 bom e doce para nossas vidas
Shaná tová Umetuká
Leshana Habaa b'Yerushalaim ( ano que vem em Jerusalém )